Notícias do Corinthians

Rival não vence e atrapalha Corinthians a buscar segunda colocação

Por João Silva


Rival não vence e atrapalha Corinthians a buscar segunda colocação

Timão contava com ajuda de rival para conseguir subir na tabela

Síguenos enSíguenos en Google News

Antes do confronto contra o Ceará, o Corinthians torceu para o rival São Paulo não deixar o Fluminense vencer. Mas, não foi esse o fim da história. O tricolor paulista até saiu vencendo, mas tomou a virada com direito a hat-trick do argentino German Cano e frustrou os planos do coringão de conseguir subir na tabela.

Com o resultado, o timão ainda está longe da segunda posição que é o seu principal objetivo no campeonato que é ficar o mais alto possível na tabela para conseguir uma grana ainda maior de premiação. São cerca de 42 milhões de reais para os cofres corintianos caso consigam chegar em segundo lugar.

Mais notícias do Corinthians:

Corinthians reencontra ex-ídolo que saiu de forma conturbada

Defesa salva ataque tenebroso do Corinthians na Série A

No momento, o Flu está em terceiro lugar com 64 pontos, enquanto o vice líder da competição é o Internacional de Porto Alegre que tem 65, porém um jogo a menos que Corinthians, Fluminense e Flamengo que seguem na busca do colorada para conseguir tomar essa grana que fará total diferença para as equipes.

Outra luta do coringão no campeonato é manter o treinador Vitor Pereira. Buscando um acordo o quanto antes, o coringão espera que a vinda da família do treinador, nesse mês possa ajudar a convence-lo de ficar no país e dar continuidade ao trabalho. Vitor é unanimidade entre os torcedores e diretoria, que o colocam como principal responsável pelo excelente ano corintiano.

Até quando vai a novela?

A novela Vitor Pereira ainda continua no Corinthians. O treinador ainda não sabe se vai continuar no comando da equipe para a próxima temporada, mesmo conseguindo a vaga na Libertadores com a vitória sobre o Flamengo por 2 a 1 na última quarta-feira (2). A situação deixa pessoas ligadas ao clube preocupadas.

 

 

 

 

 

 

 



 

 

 

 

 

 

 

 


Mais notícias