Notícias do Corinthians

Ele chegou pra ser a "sombra" de Cássio, mas mal teve chances e quase foi para rival

Por Romario Paz

Ele chegou pra ser a "sombra" de Cássio, mas mal teve chances e quase foi para rival

Jogador chegou até a ser convocado para a Seleção

Síguenos enSíguenos en Google News

De fato a posição de goleiro é algo muito valorizado no clube, não é à toa que um dos maiores ídolos da história do Tricolor e atualmente treinador da equipe jogava na meta são-paulina. Rogério Ceni com toda certeza fez e vem fazendo ainda mais história. Em entrevista recente, um jogador da mesma posição, porém contratado pelo Corinthians, afirmou que quase foi para o Tricolor antes de fechar negócio no Parque São Jorge. 

Aos 24 anos, o goleiro já ‘seguiu os passos’ de Rogério Ceni, afinal ele também se tornou ídolo de um time paulista, mas que atuava no interior: a Ponte Preta. Trata-se de Ivan, que apesar de ter sido comprado pela equipe de Itaquera em janeiro, se encontra emprestado ao futebol russo, atualmente ele defende as cores do Zenit, ele foi envolvido na negociação que levou Yuri Alberto à equipe de Vítor Pereira

A Copa do Mundo está chegando e no Futbolero temos os melhores preços de TV para você a partir de R$836. Compre aqui

Mais notícias do Corinthians:

Volante, antes criticado, agora é um dos melhores da equipe

Titulares saem do departamento médico e animam VP para o restante da temporada

Segundo Ivan, enquanto ele esteve na Ponte Preta muitas especulações rolaram, algumas de fato procederam e entre os times interessados havia também o São Paulo: “Quando estava na Ponte chegaram muitas especulações, mas não chegou algo concreto. Vinha num momento muito bom até a minha lesão, o que dificultou a minha saída do clube. Precisei esperar me recuperar e jogar em alto nível. Joguei bem. Logo em seguida veio o Corinthians e fiquei ansioso para que desse certo. Chegou uma proposta e deu certo.”

Quase foi para rival

Apesar disso, Ivan enfatizou que apesar de ter tido o contato, as negociações com o Soberano não foram para frente como deveria: “Teve interesse do São Paulo um pouco antes, mas não acabou acontecendo a negociação. Estava voltando de lesão e talvez isso atrapalhou um pouco. Depois terminei a Série B e voltei em alto nível. Assim que entrou 2022 aconteceu a negociação.”


Mais notícias