Notícias do Corinthians

Divergências entre jogador e treinador podem atrapalhar o Corinthians

Por João Silva

Divergências entre jogador e treinador podem atrapalhar o Corinthians

Relação dos dois não é das melhores, mas o timão está em primeiro lugar 

Síguenos enSíguenos en Google News

Não é segredo para o torcedor corintiano que a relação entre Vitor Pereira e Roger Guedes não é das melhores há algum tempo. O começo conturbado, com o treinador colocando o atual camisa 10 no banco de reservas não foi bem aceito pelos torcedores e, principalmente, pelo jogador. O atacante chegou com uma grande expectativa de todos, mas teve alguns problemas.

Em alguns momentos, VP chegou a comentar o motivo de deixar Guedes no banco ‘O Róger já teve um momento bom, mas agora está com dificuldades de responder, até mesmo em treinos. Em termos de lutar para dar a volta na situação. Isso faz com que eu não sinta confiança para eu poder contar com ele para alterar um jogo ou ser titular.’ disse o treinador em maio desse ano.

Mais notícias do Corinthians:

Jogo adiado faz Vitor Pereira perder oportunidade única
Sem a Fiel, sem jogo
Em resposta o comandante naquela época, o atacante repostou uma publicação do Sofascore, site especializado em números, com os seguintes dados Róger Guedes (25 anos) entre os jogadores do Corinthians na temporada 2022: 1º em gols marcados (7); 1º em participações em gols (10); 1º em chutes realizados (33); 1º em chutes certos (18); 1º em chances claras convertidas (6); 6º em jogos (23); 6º em mins jogados (1646).

O último capítulo desse entreveiro aconteceu na primeira partida da final da Copa do Brasil, quando o atacante foi substituído aos 24 minutos do segundo tempo e foi flagrado pelas câmeras da transmissão dizendo que sempre é substituído pelo treinador. Mas é importante lembrar que essa desavença não atrapalha o grupo e o clube que busca mais um título quarta-feira, no Maracanã.

Foco na decisão

O timão já está com a cabeça para disputar a segunda partida da final da Copa do Brasil contra o Flamengo na próxima quarta-feira (19). O time busca o quarto caneco da competição que não vence desde 2009. 

 

 

 

 

 

 

 

 


Mais notícias