Notícias do Corinthians

Craque do time admite queda de rendimento após final

Por João Silva

Craque do time admite queda de rendimento após final

Renato Augusto comentou o momento ruim que a equipe vive ao perder a final, mas celebrou a vaga na Libertadores

Síguenos enSíguenos en Google News

O meia Renato Augusto está aliviado com a classificação corintiana para a Libertadores do ano que vem. Apesar do momento não ser dos melhores, o craque admitiu que o momento vivido pela equipe após a perda da Copa do Brasil não é o melhor que influenciou no grupo. Agora o camisa 8 quer celebrar a vaga na competição internacional.

‘A perda da Copa do Brasil realmente doeu um pouco, principalmente pelo jogo que a gente fez, o título estava na nossa mão. Mas terminamos o ano de um forma boa, classificados. Agora restam três e depois planejar o próximo ano.’ disse o meio campista que ainda reforçou que o objetivo da equipe foi cumprido.

Mais notícias do Corinthians:

Joia da base corintiana é um dos destaques da partida
Presidente de clube esclarece sobre interesse do Corinthians em atacante
 

Era o nosso objetivo pós Copa do Brasil, a vaga direta. Acho que hoje matematicamente classificado… foi um ano de altos e baixos, então a gente teve dificuldade em alguns momentos mas conseguimos recuperar.' finalizou o craque que ainda corre por fora em uma possível convocação para a Copa do Mundo.

O jogador também comentou a situação de Vitor Pereira que, ainda, não renovou seu contrato ‘Planejamento é muito de acordo com o presidente, diretoria. A gente ainda está terminando a temporada, ainda com três jogos a fazer, então nosso pensamento não pode ser pensar se ele fica ou não. Temos que terminar de forma digna, buscar o segundo lugar e aí sim a diretoria com ele sentar e ver o que é melhor para o clube.’ 

Vitória importante 

A vitória corintiana no Maracanã, fez o auxiliar Felipe Almeida muito feliz ao fim da partida. Ele estava substituindo Vitor Pereira que, por ter levado o terceiro cartão amarelo contra o Goiás, não pode estar na beira do gramado para comandar a equipe nesse triunfo tão importante que tira um peso das costas de todos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Mais notícias