Notícias do Corinthians

Mandato presidencial do Timão pode aumentar

Por Pedro De Oliveira

Mandato presidencial do Timão pode aumentar

Conselho do Corinthians decidirá essa e outras questões na próxima semana

Síguenos enSíguenos en Google News

O atual mandato presidencial do Corinthians é de três anos, mas o Conselho Deliberativo do clube se reunirá em 6 de novembro para definir se ampliará o período da presidência para quatro anos a partir da próxima eleição. O próximo mandatário assumirá em janeiro de 2024.

André Luiz de Oliveira foi um dos responsáveis pelo pedido da mudança estatutária na comissão de reforma de estatuto do clube. Vale ressaltar que ele é um dos principais especulados para ser um dos candidatos para a próxima eleição do Corinthians.

Mais notícias do Corinthians:

Jogador revelado na base do Corinthians defenderá o Brasil na Copa
Corinthians perde oportunidade de ganhar mais de R$ 6 milhões

Uma das propostas apresentada pelo conselho é da possibilidade de reeleição. Essa, no entanto, é uma ideia que não possui a maioria dos aliados necessários. Andrés Sanchez, um dos principais cartolas do Timão, inclusive, é contra a mudança.

O ex-presidente do Corinthians é um dos entusiastas pela eleição de André como novo mandatário do Timão. Sempre com seu nome alçado ao cargo de presidenciável, Andrés garante que dessa vez não consta nos seus planos participar do pleito. Ele já foi presidente em duas oportunidades.

Duílio pode permanecer?

Atual presidente do Corinthians, Duílio Monteiro diz que não irá se envolver com questões políticas, mas já disse ser favorável a possibilidade de reeleição na presidência do Corinthians. Esse assunto deve ser tratado e ter um veredito na assembleia da próxima semana.

 

 

 


Mais notícias