Notícias do Corinthians

Se Abel não sai do Palmeiras, esse o português que pode chegar no Corinthians

Por Pedro De Oliveira

Se Abel não sai do Palmeiras, esse o português que pode chegar no Corinthians

Treinador já tem ampla experiência no futebol brasileiro e é considerado moderno e intenso

Síguenos enSíguenos en Google News

A cada partida, António Oliveira vem demonstrando suas qualificações no comando do Cuiabá. À frente do Dourado em sua segunda etapa desde maio de 2023, o português conduziu a equipe mato-grossense à sua melhor performance histórica em um Campeonato Brasileiro e agora experimenta dias de valorização no mercado.

Sempre alvo de especulações em grandes clubes que procuram um novo treinador, o nome de Oliveira agora está associado ao Corinthians, que dispensou Mano Menezes e reavalia seu curso em 2024 em meio a uma crise.

Entretanto, retirar António do Auriverde não é uma missão simples, conforme o próprio técnico afirma. Em entrevista exclusiva à PLACAR no Centro de Treinamento do clube, o português fez questão de reiterar o respeito pelo seu atual contrato: “Certamente, as possibilidades são vastas, mas eu vivo um dia de cada vez e no momento estou dedicado ao Cuiabá. Já afirmei mais de uma vez e reitero: só sairei se for demitido ou se a multa for paga e isso for vantajoso para mim. É claro que tenho minhas ambições, mas no momento estou totalmente comprometido com um clube que reconheço ter me dado muito e hoje vivemos uma relação perfeita.”

Português garante negociações complicadas

O treinador, que ingressou no Brasil como assistente de Jesualdo Ferreira no Santos, também teve passagens por Athletico Paranaense e Coritiba no país, porém atravessa agora seu melhor momento. Outro aspecto que contribui para a continuidade do trabalho atual é o investimento na infraestrutura do clube, algo que foi elogiado por Oliveira, que expressou sua disposição em oferecer sugestões para a construção do novo Centro de Treinamento.

“Nós competimos com as condições de excelência que nos são proporcionadas, mas é claro que, como alguém que já teve experiência em outras estruturas, posso contribuir com algumas ideias se for do interesse deles e estiver ao meu alcance”, afirmou.


Mais notícias