Notícias do Corinthians

António Oliveira abre o jogo sobre Deyverson e torcida do Corinthians se divide

Por Pedro De Oliveira

António Oliveira abre o jogo sobre Deyverson e torcida do Corinthians se divide

Centroavante do Cuiabá tem o espírito desejado pela Fiel, mas não é unanimidade

Síguenos enSíguenos en Google News

O técnico António Oliveira, em sua apresentação pelo Corinthians, destacou a relação próxima que possui com o atacante Deyverson, comparando-a a uma relação de pai e filho. Embora tenha ressaltado que não tem idade para ser pai do jogador, Oliveira enfatizou a importância mútua na vida um do outro e expressou seu desejo de consolidar-se como parte do clube. Deyverson, por sua vez, ao se despedir do treinador, demonstrou tristeza pela separação, elogiando as qualidades de Oliveira e sua capacidade como treinador.

A relação entre Oliveira e Deyverson foi desenvolvida durante o período em que trabalharam juntos no Cuiabá, e o atacante poderá reencontrar seu antigo treinador em possíveis confrontos entre o Corinthians e o Cuiabá no Brasileirão. Apesar de ter atuado anteriormente pelo Palmeiras, Deyverson sempre deixa transparecer uma provocação ao rival alvinegro.

Deyverson divide a Fiel

O técnico português também ressaltou a importância dos laços humanos no futebol, destacando que a relação com os jogadores vai além do aspecto técnico-tático e é fundamental para criar uma identidade de equipe forte. Oliveira expressou sua gratidão aos jogadores que fizeram parte de sua trajetória e permitiram seu crescimento na carreira.

Por fim, a despedida de Deyverson evidenciou a admiração e o respeito mútuo entre ele e Oliveira, com o atacante destacando a importância do treinador em sua vida e sugerindo, de forma bem-humorada, que levaria Oliveira para a seleção brasileira para tentar realizar seu último sonho de vestir a camisa amarela.


Mais notícias